Topo da página.

Fale Conosco

Conteúdo Principal.

Deputado Wladimir Costa causa polemica durante sessão na Câmara

Deputado que tatuou nome de Temer é flagrado pedindo 'nudes' durante sessão na Câmara

Publicado por Sargento Veiga no dia

Deputado Wladimir Costa causa polemica durante sessão na Câmara

O deputado Wladimir Costa (SD-PA) dividiu seu tempo nessa quarta-feira entre a sessão que rejeitou a denúncia contra o presidente Michel Temer e conversas  nada republicanas pelo WhatsApp. O parlamentar, que foi notícia nesta semana por ter feito uma tatuagem (de henna)  com o nome de Temer, foi flagrado pelo fotógrafo Lula Marques pedindo ‘nudes’.

“Mostra tua bunda mostra, afinal, não são suas profissões que destacam como mulher, é sua bunda. Vai lá, põe aí, garota”, diz uma das mensagens enviadas pelo deputado durante a votação dessa quarta-feira, uma das mais importantes da Câmara.

Wladimir Costa (SD-PA) é réu no Supremo Tribunal Federal (STF) desde 2010, junto com Wlaudecir Antônio da Costa Rabelo, irmão dele, sob a acusação de ter ficado com dinheiro que teria como destino inicial servidores fantasmas.

No mês passado, a Procuradoria-Geral da República enviou ao STF as alegações finais na ação penal e reiterou o entendimento de que Costa cometeu o crime. O relator atual do caso é o ministro Edson Fachin.

Integrante da tropa de choque de Temer, o deputado do Pará recebeu R$ 6,9 milhões em emendas parlamentares de janeiro até o dia 24 de julho deste ano, segundo levantamento feito pelo Contas Abertas.

Fonte: Itatiaia

Escreva um comentário